quinta-feira, 19 de novembro de 2015

Mudança na Cúpula da Polícia Militar de Pernambuco provoca questionamentos do Deputado Joel da Harpa

Foto: Arquivo de internet

Uma série de exonerações no comando da Polícia Militar de Pernambuco (PMPE), nesta quarta (18), foi assunto de pronunciamento do deputado Joel da Harpa (PROS), no tempo destinado à Comunicação de Lideranças. De acordo com o parlamentar, que é oriundo da corporação, deixaram os cargos o comandante-geral, coronel Antônio Francisco Pereira Neto; o subcomandante, coronel Ilídio Ferreira Vilaça Neto; o chefe do Estado Maior, coronel José Franklin Barbosa Mendes Leite; e o titular da Diretoria Integrada Especializada, coronel Josué Limeira da Silva Júnior.

“Houve uma mudança completa na cúpula da PM e até agora não temos resposta precisa do Governo do Estado sobre o porquê disso”, criticou. Para Joel da Harpa, a explicação estaria em uma visita feita recentemente pelos comandantes aos gabinetes de parlamentares estaduais, na qual teriam pedido atenção ao Projeto de Lei Complementar nº 430/2015. “Essa medida regulamenta o termo circunstanciado de ocorrência (TCO), dirigindo a responsabilidade apenas para os delegados”, explicou.“Não quero acreditar que foi por isso, mas estamos em alerta.”

O deputado também disse haver “insatisfação na tropa”, o que teria percebido na reunião para discutir o Plano de Cargos e Carreiras dos oficiais e praças, realizada na última terça (17). “Isso foi prometido pelo Governo do Estado no início do ano, mas estamos em novembro e o projeto ainda não chegou a esta Casa. Além disso, haveria hoje uma reunião na Secretaria Estadual de Administração com as associações e representantes das instituições militares, que foi desmarcada de última hora. Fica nosso pedido para o Executivo ser mais transparente com a categoria”, disse.

Fonte: Site da ALEPE

Nenhum comentário:

Postar um comentário