sexta-feira, 3 de julho de 2015

Secretária de Defesa Social de Pernambuco Realiza operação contra fraudes na Lei Seca


A Secretaria de Defesa Social através da Polícia Civil de Pernambuco, no âmbito do PACTO PELA VIDA, desencadeou na manhã desta sexta-feira(03) a operação de repressão qualificada denominada “RECURSO NULO”, com objetivo de identificar e prender pessoas suspeitas de envolvimento em esquema de corrupção em processo de recurso contra a aplicação de multas decorrentes de fiscalização em blitz da “LEI SECA” praticadas nas cidades de Recife, Olinda e Camaragibe.

A Operação “RECURSO NULO” tem por objetivo dar cumprimento a 04 (quatro) Mandados de Prisão e 07 (sete) Mandados de Busca e Apreensão Domiciliar, expedidos pela Juíza de Direito da Vara dos Crimes Contra a Administração Pública e a Ordem Tributária da Capital.

Esta é a 18ª Operação de Repressão Qualificada realizada este ano coordenada pela Chefia da Polícia Civil. Da execução do trabalho operacional, participam 60 (sessenta) policiais civis, entre delegados, agentes e escrivães.

As investigações tiveram início há 03 (três) meses e foram coordenadas pela Delegada Patrícia Domingos, da DP de Crimes contra a Administração e Serviços Públicos-DECASP, com apoio do Gerente de Apoio Operacional da DIRESP, delegado Darlson Macêdo, do Centro Integrado de Inteligência e Defesa Social-CIIDS e pela Diretoria de Inteligência Policial-DINTEL com Supervisão do Delegado Salatiel Patrício.

O delegado Salustiano Albuquerque, responsável pela Diretoria Integrada das Especializadas fará um balanço inicial da operação “RECURSO NULO”, às 7h, na sede do GOE. No Cordeiro/Recife-PE.

Nenhum comentário:

Postar um comentário